Análise Pocket – Inside

Um dos aclamados Indie da geração, venha conferir o que achamos de Inside.

Sobre o Game

Em Inside, você controla um garoto, que começa sendo perseguido, e você conforme progride no game, acaba chegando à um projeto sinistro.

Encontrando ameaças submersas

Algumas coisas chamam a atenção no game, como sua temática obscura. Para se ter uma ideia, até porcos com parasitas te perseguem e fazem você pensar, o que está acontecendo aqui?

Pontos Positivos

Inside traz um mundo distorcido, com temas obscuro como controle da mente, perseguições e mortes.

Se escondendo das ameaças

Toda a atmosfera criada, como os efeitos de luzes, os sons de pegadas, e as músicas em momentos mais tensos são envolventes, e trazem uma imersão na jogabilidade.

Ah, e se você for um caçador de conquistas e troféus, para fazer 100% do game é extremamente fácil, então pode ir fundo.

Pontos Negativos

Infelizmente nem tudo funciona legal no game, algumas cenas me fizeram refletir sobre o motivo daquilo estar no jogo.

Correndo pelos prédios

E acaba que o jogo levanta mais perguntas do que respostas, o que pode deixar o jogador intrigado, principalmente perto do fim do game.

Veredito

Apesar do game levantar várias dúvidas, ele contém um excelente gameplay, recursos e imersão. Caso você tenha interesse, vale a pena jogar.

Mas se você é daqueles jogadores que ficam se questionando, o jogo trará mais perguntas do que as respectivas respostas, sendo que sua interpretação que valerá ou você terá que pesquisar o que os fãs especulam sobre os dois finais que o jogo possui.

Confira abaixo a análise em vídeo no nosso canal:

Gostou do vídeo? Ajude a gente, se inscreva no nosso canal clicando abaixo.


Gostou do conteúdo? Se inscreva no nosso site ou acompanhe nossas redes sociais e receba novidades exclusivas clicando aqui.

Abraços pessoal, até a próxima.

About Daniel Atilio

Analista de sistemas e blogueiro nas horas vagas. Pode ser encontrado jogando Tetris por ai.

Deixe uma resposta