Análise – Gears 5

Venha conferir a análise da continuação da saga dos Gears.

Sobre o Game

Em Gears 5, o jogo acontece logo após os acontecimentos de Gears of War 4, com o Swarm corrompendo o exército de robôs da CGO e avançando contra cidades humanas.

Ao mesmo tempo disso, Kait começa a ter visões e se sentir estranha com relação aos inimigos, e parte juntamente com Del para tentar achar uma explicação.

Destaco que, Gears 5 possui um nível elevado de violência e até uso de palavrões, então se você é um pai e está vendo nossa análise, confira a classificação indicativa do game.

Os modos multiplayer não foram testados.

Kait mostrando seu colar para Marcus

Pontos Positivos

O primeiro ponto positivo a se destacar em Gears 5, é não ter mais aquelas montagens de forjador que existiam no 4.

Além disso, a parte gráfica está excelente, a Coalition fez um excelente trabalho, é possível perceber os sentimentos, e até mesmo o passar do tempo, pois de um ato para outro, passam meses, e os personagens ficam com cabelo maior, barba, etc.

Na parte das mecânicas do game, eles deram um upgrade no Jack, trazendo uma maior imersão no quesito de utilizar ele como uma ferramenta de auxílio, arma ou defesa.

O jogo está totalmente localizado para o português brasileiro, com dublagem e legendas.

Por fim, o modo história, na minha opinião começa bem arrastado, até aproximadamente o fim do ato 2, a partir daí, ele pega um ritmo bem interessante.

E assim como em jogos anteriores, a morte e as decisões impactam e trazem um sentimento para o game, por exemplo, em uma decisão que você toma, um dos personagens principais morre, e pode ser que essa sua decisão impacte no Gears 6 (coisas assim já vimos com outros jogos, em que o save do game anterior, afeta o progresso atual).

Jack, o parceiro para qualquer aventura rs

Pontos Negativos

Eu testei o game no Xbox One S, e infelizmente em algumas transições no mapa, ocorre slowdowns, apesar de pouco perceptíveis, eles não atrapalham na ação, pois ocorrem apenas em algumas transições no jogo.

Ainda nesse sentido, após explodir alguns inimigos ou partes da fase, em algumas vezes os restos ficavam flutuando no cenário.

Outro ponto negativo quanto ao game, é na estrutura do mundo aberto, acho que seria interessante ao dirigir, encontrar inimigos montando armadilhas, ou eles dirigindo também, pois da a impressão de um grande vazio, tanto no deserto quanto no gelo.

Kait e Del em busca de respostas

Veredito

O game possui pequenos pontos negativos, mas possui vários pontos positivos. Se você gosta de jogos de tiro em terceira pessoa, ou já jogou algum Gears e gostou, vai fundo.

Ou se você assina o Game Pass para Xbox ou PC, também vale a pena testar para experimentar.

Confira abaixo um gameplay do jogo no nosso YouTube:

Gostou do vídeo? Ajude a gente, se inscreva no nosso canal clicando abaixo.


Gostou do conteúdo? Se inscreva no nosso site ou acompanhe nossas redes sociais e receba novidades exclusivas clicando aqui.

Abraços pessoal, até a próxima.

About Daniel Atilio

Analista de sistemas e blogueiro nas horas vagas. Pode ser encontrado jogando Tetris por ai.

One thought on “Análise – Gears 5

Deixe uma resposta