Análise – COLINA: Legacy

Vamos para a casa da vovó…

Sobre o Game

Você é Alex, um garoto que está indo com seus pais visitar a sua avó. Porém ao acordar na casa, você está sozinho, e parte para descobrir o que houve com seus familiares.

Verificando simbologias e portais

Fuja dos perigos, enquanto procura respostas, e até mesmo enfrenta bonecos demoníacos na sua jornada com sua única arma, uma pequena lanterna.

O jogo foi desenvolvido por um estúdio brasileiro.

Pontos Positivos

Toda a direção de arte do game ficou fantástica, sem ter orçamento AAA, o jogo entrega uma qualidade sonora impecável, junto com um gráfico que cria uma ambientação onde você busca por respostas o tempo todo.

Lugares vazios! Será?!

O jogo lembra clássicos games de terror, como os primeiros Resident Evil, e o uso da lanterna me fez lembrar de Alan Wake, sendo que eu senti mais medo em Colina Legacy rs…

Além de toda a temática, o jogo possui diversos puzzles, alguns com pistas, outros você tem que solucionar como em um quebra cabeça de movimentar peças.

Juntando tudo isso, o jogo te deixa muito tenso, sendo que ao abrir uma porta, ouvir uma voz, encontrar um cão na floresta, você se sente na pele do protagonista.

Pontos Negativos

O jogo possui alguns bugs nas partes gráficas, principalmente quando você se aproxima de alguma parede, o gráfico pode dar uma quebrada, mas na verdade isso aumenta a tensão no ar (não sei se foi deixado de propósito pelos programadores, se foi, ai é ponto positivo ao invés de negativo).

“Olha, acho que vou ser atacado”

Outro ponto, é que, o game apesar de ter legendas, seria interessante se tivesse a voz narrada em português, pois como elas são pequenas e ficam rápidas na tela, nuances podem passar despercebidos.

Veredito

Se você gosta de games de suspense, ou quer experimentar um game brasileiro extremamente imersivo, Colina: Legacy é uma excelente pedida, ainda mais se considerarmos o seu preço pequeno.

Além disso, é nítido o talento da equipe envolvida em entregar uma ótima experiência ao jogador. Mas se você não gostar de games de terror e suspense, pense duas vezes antes de começar a campanha rs.

Confira abaixo um gameplay do jogo:

Gostou do vídeo? Ajude a gente, se inscreva no nosso canal clicando abaixo.


Gostou do conteúdo? Se inscreva no nosso site ou acompanhe nossas redes sociais e receba novidades exclusivas clicando aqui.

Abraços pessoal, até a próxima.

About Daniel Atilio

Analista de sistemas e blogueiro nas horas vagas. Pode ser encontrado jogando Tetris por ai.

One thought on “Análise – COLINA: Legacy

Deixe uma resposta