Análise – ADOM (Ancient Domains Of Mystery)

Bora curtir aquele velho e clássico RPG.

Sobre o Game

ADOM é um universo roguelike de RPG, que está em desenvolvimento e expansão desde 1994.

Sala com inúmeras armas

Assim ele manteve características dos RPGs clássicos do MS-DOS, e em 2012 foi revitalizado para ser lançado para novas plataformas.

O jogo foi gentilmente disponibilizado pela desenvolvedora, nós do Aperta o X, deixamos aqui nosso agradecimento.

Pontos Positivos

Por ter esse ar clássico, o jogo pode ser apreciado pelos fãs mais antigos de RPGs, contendo narrativas ricas e inúmeros comandos com ações e poderes diferentes.

Se preparando para enfrentar o inimigo

Além disso o jogo é muito grande, tem muita coisa a ser explorada, muitos inimigos para serem enfrentados e enigmas para serem desvendados

Pontos Negativos

Como é um RPG clássico, a interação com teclado se faz necessário quase 100% do tempo, só que como não tem suporte ao português brasileiro, isso pode afetar na imersão da narrativa.

Várias Masmorras para explorar

Principalmente por conter textos grandes, e isso tornar cansativo a jogabilidade.

Veredito

Particularmente eu não gosto de RPGs nesse estilo, mas sei que tem muitas pessoas que gostam, então vai de gosto para gosto.

Como o jogo tem um preço razoável na Steam, se você gosta desse tipo de game, pode ir fundo, ou esperar alguma promoção.

Confira abaixo um vídeo de gameplay do jogo:

Gostou do vídeo? Ajude a gente, se inscreva no nosso canal clicando abaixo.


Gostou do conteúdo? Se inscreva no nosso site ou acompanhe nossas redes sociais e receba novidades exclusivas clicando aqui.

Abraços pessoal, até a próxima.

About Daniel Atilio

Analista de sistemas e blogueiro nas horas vagas. Pode ser encontrado jogando Tetris por ai.

One thought on “Análise – ADOM (Ancient Domains Of Mystery)

Deixe uma resposta