Análise – Ori and the Will of the Wisps

Venha conferir a análise de um dos melhores games dessa geração.

Sobre o Game

Ori (pequeno espírito) está de volta, dessa vez junto com a pequena coruja Kun, continuando exatamente com os acontecimentos do primeiro game da franquia.

Desviando de vários obstáculos

Ao voarem e chegarem em uma ilha próxima, uma tempestade os pega de surpresa e assim Ori parte para encontrar Kun e descobre também o seu grande objetivo na vida.

Pontos Positivos

O jogo possui legendas em português, o que ajuda muito no entendimento da história e na narrativa. Além disso, na parte gráfica e sonora, é uma das melhores combinações que já joguei, seja na narração, na música, ou na ambientação.

Enfrentando um lobo gigante

Para se ter uma ideia, foi o único jogo, que minha esposa se sentava ao meu lado nas cutscenes e nas batalhas com os chefes, ansiosa para saber o desfecho de cada cena, então toda narrativa criada para esse segundo game ficaram imersivas e fantásticas.

Outro ponto que ficou melhor que no primeiro, foi na composição dos botões, pelo menos eu achei mais fácil agora, com a opção de você mapear até 3 poderes, e intercalar eles entre os combos, traz um dinamismo ao enfrentar os adversários.

Eu até gosto de games Metroidvania, mas dificilmente algum game me emociona ou me toca, e nesses 20 e poucos anos que jogo games, Ori and the Will of the Wisps foi um dos poucos que conseguiu. Sem dar spoilers, mas no fim do game, quando você enfrenta o Grito, as últimas cutscenes fazem você refletir sobre família, sobre despedida, sobre amor, e sobre tantos outros sentimentos, que fica difícil descrever com um texto.

Pontos Negativos

Na parte negativa do game, é que ele conta com vários slowdowns e quedas de frames (joguei no Xbox One S).

Enfrentando uma aranha gigante

Além disso, existem alguns bugs gráficos, como por exemplo, vira e mexe quando eu ia tele transportar de um lugar para outro, as vezes bugava e aparecia o Ori girando sem ir pra lugar algum. Ou em outra ocasião, onde o menu não carregava para eu dar start no game.

Veredito

Apesar de ter alguns pontos negativos, Ori and the Will of the Wisps, com certeza é um dos melhores games dessa geração, e vale a pena ser experimentado (caso você goste de Metroidvanias ou curta uma boa narrativa).

Caso você seja assinante do Game Pass aproveite para jogar o game no Xbox One ou PC.

Confira abaixo um vídeo de gameplay:

Gostou do vídeo? Ajude a gente, se inscreva no nosso canal clicando abaixo.


Gostou do conteúdo? Se inscreva no nosso site ou acompanhe nossas redes sociais e receba novidades exclusivas clicando aqui.

Abraços pessoal, até a próxima.

About Daniel Atilio

Analista de sistemas e blogueiro nas horas vagas. Pode ser encontrado jogando Tetris por ai.

One thought on “Análise – Ori and the Will of the Wisps

Deixe uma resposta